Morando Sozinho

Imagine a cena, você um adolescente do interior, cidade pequena, seus amigos são aqueles desde o ensino fundamental, então você passa no tão sonhado vestibular, o curso é para a capital, chega então o momento tão aguardado por muitos, onde os olhos brilham e o coração bate acelerado: morar sozinho, novas amizades, novos momentos, novas situações, novos sentimentos, resumindo: tudo novo.

Acho que este é um dos principais divisores de água onde você deixa ser um simples adolescente rebelde e questionador e se prepara para a fase adulta, morando sozinho em outra cidade e em alguns casos, em outro estado.

Algumas pessoas me perguntam se é bom morar só, ser independente e tal, eu particularmente estou nessa vida a 08 anos e digo que aprendi muito, seja através das coisas boas como também das coisas ruins, no entanto nem como você deve pensar, nem tudo é perfeito, eu por exemplo, não gosto de cozinhar e muito menos de lavar roupa, (aliás minha alegria é quando tem um feriado prolongado para fazer uma visitinha para a mamãe) as vezes estou chateado ou simplesmente quero conversar com alguém depois de um dia corrido, e simplesmente chego em casa e a única pessoa que há ali é eu mesmo, então se você for morar sozinho, se prepare para alguns sentimentos como solidão e carência de ter alguém por perto.

Agora essa questão de ser independente , já penso ao contrário de muitos, veja bem, nessa vida você vai sempre depender de alguém, se antes dependia de seus pais, isso não vai ser diferente agora, você nunca irá fazer nada sozinho, sempre terá que ter alguém pra te ajudar, principalmente nos primeiros  meses até se adaptar a nova vida e mesmo assim, depois de algum tempo vai ter algum amigo te dando uma força de vez em quando.

Mesmo assim, é nesta fase  que tenho as melhores (e mais marcantes) lembrança e conseqüentemente alguns “privilégios” como:

  • O primeiro arroz que fiz (queimado aliás);
  • A energia quase cortada, porque me esqueci de pagar a conta;
  • Chegar da Faculdade as 23:00 e ainda ter que lavar roupa;
  • Poder ouvir som na maior altura (de preferência rock e claro, incomodando os vizinhos)
  • Assistir televisão até mais tarde;
  • Comer e deixar o prato sujo para lavar depois;
  • Fazer as compras no mercado (Toda vez que faço isso, me sinto mais adulto)
  • Sair e chegar a hora que quiser;

Agora um fator importante para você que irá embarcar nesta nova jornada, morando sozinho, você é responsável por si mesmo, não tem mais ninguém para tomar suas decisões, terá que fazer suas próprias escolhas, principalmente naquelas coisas chatas e complicadas, e dependendo da situação, terá que arcar com os resultados dessas escolhas, seja para bem, seja para mal.

Não terá mais pai ou mãe para recorrer quando se ver perante algo difícil de se resolver, nem mesmo terá alguém para botar culpa, quando você será o único responsavél por algo.

Partir nesta aventura, é bem legal, porque nada é feito de bons momentos, há também os “perrengues”, e são justamente estes, que irá lhe fazer crescer e amadurecer (eu é que diga, hoje já cozinho bem melhor.)

Por isso, se você tiver esta oportunidade, tente, experimente, será uma grande escola de aprendizado para a vida.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s