O QUE EU APRENDI EM 2013…

O ano de 2013, foi para mim um ano muito difícil, porém foi aquilo que Deus me tinha determinado. Durante 3 anos de faculdade sofria por saber que não me identificava com o curso escolhido, só passava nas disciplinas com dificuldade, não tinha interesse em ir as aulas, todo semestre queria trancar o curso e ainda “paguei” uma mesma disciplina específica QUATRO vezes! desacreditada não me via exercendo a função no futuro.

E agora, será que desito? A reviravolta

Há exatamente um ano, durante uma oração, pedi a Deus que me surpreendesse nesse último ano de faculdade. A princípio eu não acreditava muito que eu fosse sentir algo pela minha profissão, e foi aí que eu levei um tapa na cara. Primeiro que nada é por acaso, e se eu estava cursando fisioterapia e meus pais estavam lutando pra eu não desistir (PV 6:20) é porque Deus queria me usar de alguma forma, e eu comecei a perceber nos estágios que Ele tinha/tem uma finalidade com a minha profissão como instrumento evangelístico.

Não sei como, mas meus pacientes olhavam para mim uma vez na vida e começavam a falar de sua vida pessoal sem eu ao menos perguntar, foi quando eu percebi o quanto uma doença torna uma pessoa tão frágil a ponto dela querer saber a opinião de uma estranha, (e por sinal mais nova na maioria das vezes) entendi que eu posso ficar próxima a outros e falar de alguém que verdadeiramente cura, salva e resgata.

O Caminho moldado por Deus

Aprendi no ano que passou a escolher bem minhas amizades, pois elas foram fundamentais (PV 13:20), Deus usou meus amigos e conhecidos para me lembrar o quanto essa profissão é linda. Eram amigos que sempre oravam junto comigo e por mim. Aprendi a me sujeitar a vontade de Deus, buscar mais e confiar nEle de uma forma muito difícil, mas que eu nunca esquecerei, pois o Senhor sempre foi muito fiel (MT 6:33).

Houve um momento em que eu achei que não me formaria, entretanto Deus foi lá e fez o inimaginável, e posso dizer com imensa gratidão a Ele que hoje não me arrependo de ser uma fisioterapeuta. Senti que amadureci espiritualmente em 1 ano aquilo que eu já devia ter mudado em 3, mas tudo isso só foi possível por que eu me sujeitei a viver debaixo a vontade de Deus.Vivi experiências incríveis, na vida pessoal e na vida acadêmica, e me sinto muito feliz.

Gostaria de te dizer que em cada situação difícil que você se encontrar na vida, seja a perda de um ente querido, os pontos que faltam pra você passar, o TCC que não ficou pronto, os pais que não te entendem ou mesmo a dificuldade em se manter fiel a Cristo, lembre-se que pra Ele não importa o tamanho dos nossos problemas, por que ele é o único capaz de solucioná-los, no entanto precisamos confessar nossa total dependência dEle.

Você tem se desafiado assim? já se declarou dependente de Deus? que tal experimentar um pouquinho daquilo que Deus quer pra você?

Feliz Ano Novo e até breve, câmbio e desligo.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s