Carta de uma Jovem Missionária

Eu não sei o que está acontecendo comigo, uma grande emoção tem tomado conta do meu coração, me encontro tremula por dentro, meu ser já não é mais como antes. EU SINTO a VIDA batendo dentro de mim, como nunca. É algo inexplicável, não tem como descrever, apenas quem sente sabe como é.

Eu tenho entendido o que Deus quer de mim, e isso me dá uma imensa vontade de chorar, de gritar, de sair correndo para aquilo que Deus tem falado. Não, não é uma emoção que irá passar, é algo que o próprio Deus tem colocado em meu coração, e só tende a aumentar.

Eu tenho entendido claramente o que significa, para que outros possam viver vale à pena morrer. – Morrerei para minha vida, para o meu egoísmo, para as minhas coisas, para enfim dar vida às outras pessoas, para ver alguém tendo a oportunidade de se tornar FILHO de DEUS, porque eu morri para mim mesma, para que ela pudesse viver. SEM PALAVRAS, não dá para descrever o que tenho sentido…

Meu coração nesse exato momento pulsa por aquelas vidas, algo forte, coração acelera, começo a ficar ofegante, porque estou sentada em uma cadeira, em frente a um computador, digitando esse relato, ENQUANTO EXISTEM PESSOAS MORRENDO SEM CONHECER A JESUS O SALVADOR, O CRISTO.

Não, não é algo bobo, radical… Isso é apenas JESUS! EU não suporto mais olhar para mim, eu não suporto mais olhar para as coisas e deseja-las somente para mim. Hoje o meu sentimento é: Tudo que eu possuir tem que ser dividido, doado, tenho que dar o melhor aos meus irmãos.

Hoje eu não consigo olhar para mim, e não ver essas pessoas, esse lugar. É preciso amar!

miseria

Deus tem me feito sonhar com o AMAZONAS, simplesmente para eu ver a necessidade dos outros, para que o meu egoísmo besta e humano seja destruído, seja anulado, seja quebrado de dentro de mim. Amazonas não é um capricho, pelo contrario, é um chamamento de DEUS, para a minha vida. E eu tenho escutado sua voz falando claramente em meu coração: SAIA DA SUA ZONA DE CONFORTO! VÁ, ESSAS PESSOAS PRECISAM DE VOCÊS.

Como ser CRISTÃ e ser Egoísta? Algo que não combina que não se ajunta e que não tem ligação alguma. Olho a necessidade dessas pessoas, e meu coração começa a doer. Sabe qual é a minha vontade? Chegar nesse lugar e dar tudo de mim. Construir casas, construir escolas, hospitais, construir lugares confortáveis, levar camas, levar comida de qualidade, encanamento, esgoto. Pegar essas crianças no colo mimar todas elas, dar carinho, brincar, voltar à infância. Sentar com as mulheres e ensinar elas a se cuidarem melhor, a se amarem mais, ajuda-las em coisas básicas. Mas o principal eu anseio LEVAR A JESUS, levar VIDA, dar vida para eles. Ensinar como amar ao Senhor, ensinar como orar, ler a Bíblia, como entrar na presença de Deus. Ensinar a eles as coisas básicas do Reino, ensinar eles a caminharem. NOSSA como eu anseio com isso, meu coração bate por essa obra.

NÃO SUPORTO MAIS VIVER AQUI, NÃO SUPORTO MAIS VER A NECESSIDADE DO MEU IRMÃO E CONTINUAR EM UM MUNDO TÃO EGOÍSTA, SUJO, MONÓTONO, SEM VIDA. Chega, CHEGOU a hora de IR, de avançar, de cumprir o meu chamado. CHEGOU À HORA DE DAR A VIDA QUE ME FOI DADA UM DIA. EU QUERO FRUTIFICAR!

Minha oração têm sido: SENHOR me ensina amar aquelas pessoas, me ensina sentir a dor, me ensina a ouvir sua voz; Ensina-me a submissão nesta obra NOBRE. EU QUERO IR!

O Convite de JESUS

Bom galera, já faz um tempinho que postei um texto né? Então, como hoje dia 20/08 está fazendo um ano que publiquei meu primeiro texto aqui, decidi postar esse testemunho da minha vida, “comemorando” um ano que estou aqui com vocês, no Blog Mundo Jovem Teen. É um relato de como o Senhor me chamou algo simples, mas que me define tanto na minha vida com Ele, como no chamado d’Ele para mim. Espero que o Senhor possa falar com vocês de alguma forma.

Deus nos criou com um Propósito de VIDA.

Deus nos criou com um Propósito de VIDA.

Encontrava-me suja e perdida, não se achava valor em mim…

Meus sorrisos eram os mais falsos, pois a felicidade não existia em mim. Meu ser encontrava-se vazio, eu não sabia por onde correr. Meus pés estavam sem alicerces, eu me via a beira do abismo…

Eu tinha apenas 15 anos, e não encontrava o porquê da vida. Questionava-me todos os dias porque havia nascido. Por quê? Eu sabia da existência de Deus, mas não o conhecia, ainda não havia ouvido a sua doce voz. “Sabia quem Ele era”, mas vivia a quilômetros de distância d’Ele.

Até que um dia, recebi o convite para dançar com Jesus… 

Em meio às lágrimas, vi um sorriso, uma mão me tomando e me dando ânimo para prosseguir, ela me ergueu e me deu forças para levantar. Jesus com todo seu cavalheirismo tomou-me pelas mãos, e me limpou, Ele trocou minhas vestes imundas, impuras, e me deu novas vestes.

Ele lavou-me com teu sangue, que me trouxe a vida, a pureza e a santidade. Ele me deu nova vida, preencheu o vazio que existia dentro de mim. Ele me ajudou a vencer, a lutar, e a prosseguir. Quando pensei que estava no fim, Jesus com seu convite me mostrou que era apenas o começo de todas as coisas em minha vida. Quando contemplei a chama de seus olhos a paixão brotou em mim, e desde então o seu amor vive em mim, e todos os dias me encontro apaixonada por Ele, porque seus os olhos me chamam a cada momento.

Ele não fez isso porque eu merecia algo, mas sim porque é um DEUS misericordioso e me escolheu.

Amados que Deus possa derramar graça sobre a vida de vocês, fazendo de vocês pessoas constantes, servas. Deus tem uma vida de Filhos para nós, Ele cura, transforma, liberta, alicerça, e o principal ELE DÁ VIDA DE VERDADE PARA NÓS. Não se contentem com um Evangelho superficial, mas aprofundem-se no Evangelho Puro e Simples de JESUS. Da mesma forma que Deus fez coisas lindas e importantes na minha vida, Ele pode fazer infinitamente mais na sua. BUSQUE-O!

Portanto, meus amados irmãos, sede firmes e constantes, sempre abundantes na obra do Senhor, sabendo que o vosso trabalho não é vão no Senhor. 1 Coríntios 15:58

PRIMEIRO AMOR

          Certo dia, ouvi uma jovem Cristã de 17 anos, dizer: Não me acho digna de estar na presença de Deus, sou uma simples pecadora, perdi muito tempo que poderia ter dado para o meu Senhor. Hoje quando oro nem lágrimas saem mais, sinto que o primeiro amor já não está mais dentro de mim, preciso me achegar a Deus, voltar a ser a garota que já fui, a que tinha prazer de estar na casa do Senhor, pois hoje não sinto mais nem isso. 

Voltando ao Primeiro Amor

         Realmente, fiquei sem saber o que fazer ou falar, meu coração doeu, eu fiquei sem reação. E quando andava de bicicleta, Deus começou falar algumas coisas comigo. Ela tinha até “razão” em dizer: “Não me acho digna de estar na presença de Deus, sou uma simples pecadora”, pois se retirarmos a graça de Deus existente em nosso ser, não seriamos dignos de estar na presença d’Ele, porque somos pecadores. Mas se Deus nos criou a sua imagem e semelhança é porque Ele está querendo amigos, para estar em sua presença diariamente.

         Todos nós já perdemos tempo, um tempo que poderia ter sido aproveitado para Deus. Deixamos de dedicar nossa vida para a ceara de Deus, porque queremos fazer as nossas próprias coisas, deixamos de fazer aquilo que Deus quer que façamos, para fazer aquilo que nós queremos fazer, porque estamos sempre interessados em satisfazer o nosso EGO, as nossas próprias vontades. Porque afinal, sou jovem, ainda terei tempo, para quê me preocupar com isso agora? Essas perguntas pode estar passando em muitas mentes neste momento.

      Ouvir uma jovem dizer que quando ora nunca se emociona na presença de Deus, me deixa um tanto quanto assustada e preocupada. Precisamos nos atentar para isso, porque Deus quer pessoas quebrantadas, com corações contritos. Não estou dizendo que todas às vezes precisamos chorar, porque se não chorarmos, nossas orações não chegarão a Deus. Mas estou dizendo que nossos corações precisam estar quebrantados para receber o toque do amor de Deus, nos levando a nos emocionar em sua presença, porque quando somos tocados por Deus, não há coração que agüente. E um exemplo disso foi JESUS, até Ele com toda sua glória, chorou…

         O que me deixou pior em tudo isso, foi ouvir: “Sinto que o primeiro amor já não está dentro de mim, preciso me achegar a Deus, voltar a ser a garota que já fui a que tinha prazer de estar na casa do Senhor, pois hoje não sinto mais nem isso.” Quantos de nós já não nos encontramos assim? Quantos já não pensaram a mesma coisa? E até mesmo se encontraram nesta situação? Quantos em nosso meio não estão vivendo no automático da vida Cristã?

       E em tudo isso Deus me levou a pensar porque o Primeiro amor deixa de existir dentro de nós? E pude entender que o amor é como uma semente plantada, que precisa ser regada diariamente, precisa ser cuidada, tratada, e quando começa a germinar, precisa ser podada, modelada, muitas das vezes precisa ser mudar de lugar para assim, crescer com mais êxito. Traduzindo para a linguagem Cristã, o nosso Primeiro Amor com Deus precisa de tratamento diário, precisa ser regado com orações, precisa do cuidado de nossos lideres e de pessoas que nos levam a ter o Caráter como de JESUS, ele precisa de alimento diário (leitura da Palavra), precisa ser tratado espiritualmente para que assim comece a germinar, e quando isso acontecer, precisa ser mudado de lugar, sendo assim, ao invés de ficar no banco sem fazer nada, comece a trabalhar em prol do REINO, para que assim não esfrie ou até mesmo morra.

       Quando o rei Davi escreve Salmos 27:4, ele diz que pediu ao Senhor e que buscaria morar na casa de Deus todos os dias, para contemplar o esplendor do Senhor, e meditar no teu templo. Ele tinha o desejo de estar no templo (IGREJA) do Senhor, para ali meditar, para ali contemplar o esplendor de Deus. Além de sermos a Igreja (Noiva) de Deus, precisamos estar em comunhão com a Igreja, para que assim possamos suportar situações difíceis e sermos aperfeiçoados.

     Meu clamor é que nossos jovens não se encontrem assim, e se você se encontra assim, procure ajuda, não fique só, porque continuar vivendo dessa maneira é pedir para cair. Pois sozinhos nunca conseguiremos, mas com a ajuda do Senhor e de pessoas de Deus, podemos vencer qualquer luta que vier sobre nossas vidas.

        Um texto para você que se encontra assim, ou até mesmo conhece pessoas que estejam assim. “Tenho, porém, contra ti que deixaste o teu primeiro amor. Lembra-te, pois, de onde caíste, e arrepende-te, e pratica as primeiras obras” Apocalipse 2:4-5a – Se você se encontra assim, se você perdeu o primeiro AMOR, Deus te convida a se arrepender de tudo, se foi alguma atitude, pensamento, desanimo, fraqueza, e etc. que te levou a perdê-lo, arrependa-se de tudo que te afastou do Senhor, volte a praticar as primeiras obras, volte-se ao principio de tudo, quando ainda seu coração queimava fortemente por amor a JESUS.

      Se o seu primeiro amor está se tornando o segundo ou o último, clame ao Senhor. Não deixe a chama se apagar, mas abasteça-a diariamente tendo uma vida intima com DEUS. Ore ao Senhor: Leva-me ao Primeiro AMOR, onde tudo começou meu Senhor, leva-me a primeira vez, ao primeiro instante, ao primeiro olhar, mas toma o teu lugar. 

      Deus tem vida de verdade para nós, vida abundante em sua presença. E nós não podemos nos conformar com situações semelhantes a essa. Nós devemos dizer NÃO a essa conformidade, e começarmos a ORAR mais, a JEJUAR mais, a nos DISPOR mais para DEUS, e LER a Bíblia com mais freqüência, pois ela nos ensina quem é Deus, e o que Ele quer de nós como filhos.

Poderia falar mais 30 páginas neste mesmo assunto, mas espero que com esse breve resumo, o Senhor tenha falado profundamente ao seu coração.