Ser gente

É simples… aprendi que os aplausos não querem dizer nada. Aprendi que lisonjas não significam nada. Aprendi que status religioso ou de outra natureza é nulidade, vazio. Aprendi enfim, que se eu quero ser discípulo de Jesus de verdade, tenho que me abster dos grandes públicos, da ostentação.

Cansei deste papo do tipo “somos os caras”. Cansei da pretensão doentia da afirmação de poder de que “estamos em um movimento revolucionário”, chega de triunfalismo!

Meus triunfos verdadeiros não são públicos. Envolvem questões simples. Como por exemplo superar meu egoísmo de não querer ajudar minha esposa na cozinha quando a preguiça tenta me seduzir. Minhas guerras não envolvem “batalhas espirituais imaginárias” de principados e potestades e “atos proféticos” mobilizadores. A coisa é mais simples, ou melhor, mais complexa, envolve compreender Cristo, me alimentar de sua carne e sangue, para vencer a tentação da hipocrisia religiosa.

Não, provavelmente, vocês não me verão envolvido nas grandes mobilizações do mundo gospel, tão pouco, sendo chamado de apóstolo, rabino, bispo ou coisa do gênero. Mas, espero que escutem que sou um bom marido, um bom pai e principalmente um bom amigo. Se ao menos nestas coisa eu conseguir vencer a grande batalha, tenha-me por satisfeito. Entretanto, se um dia eu tiver que falar pra multidões a respeito de Cristo ou de qualquer outra coisa, quem estará lá não será um grande pregador ou acadêmico, será um homem que aprendeu a ser simplesmente gente.

Não quero ser tratado como artefato religioso, como parte do cenário religioso. Jesus me chamou e pronto, isto basta, isto é tudo. Nunca tive dias tão alegres em minha vida, não há um dia que não acordo e encaro os desafios diários em oração e ações de graças.Certamente se minha rotina não for um culto, o culto nunca se integrará a minha rotina.

Minha oração é que Deus continue travando minhas pretensões carnais, que Ele continue freando minhas megalomanias, meu egoísmo e narcisismo, todos estes ídolos que meu coração persiste em fabricar. 

Eu não quero ser nada além daquilo que Deus deseja que eu seja.

Por Igor Miguel – Cristão reformado, teólogo, pedagogo e mestre em letras (língua hebraica) pela FFLCH/USP. Educador social e coordenador pedagógico da Organização Multidisciplinar de Capacitação e Voluntariado (OMCV) em BH-MG, membro da AKET (Associação Kuyper de Estudos Transdisciplinares) e membro da Igreja Esperança em Belo Horizonte – MG.

Anúncios

OPRIMIDOS PELA SOCIEDADE

Toda sociedade impõe aos seus integrantes uma série de regras coercitivas (que são aquelas obrigatórias, se você não as cumprir sofrerá uma pena imposta pelo Estado), mas além destas, nos são impostas também regras de comportamento, as famosas normas e valores morais, que derivam dos costumes, tradições e hábitos, como por exemplo, a disseminação de um padrão de beleza ideal ou a mensagem de que para se ter sucesso, deve ser rico, ter a roupa da moda e o carro do ano.

Se você não cumpre o que a sociedade impõe, ela irá lhe cobrar por isso, e é neste ponto que quero chegar, pois temos um “padrão de perfeição” a ser seguido e se você não o segue é descriminado.

O grande problema (ou a grande solução) é que ninguém é igual a ninguém, e cada um tem seus sonhos, vontades e desejos.  Não dá para as pessoas serem iguais aos personagens de uma determinada novela, ou se vestir como dita a grife tal, ou ter aquela família feliz sem problemas, do comercial de margarina.

Índice

De acordo com a Bíblia DEUS nos criou e toda obra Dele é perfeita! ELE nos ama assim como somos, cada um com seus gostos, sonhos, estilo e personalidade, por isso não devemos nos entristecer por não estarmos enquadrados no atual padrão que a sociedade nos impõe, mas devemos nos alegrar porque DEUS nos criou e nos ama incondicionalmente!!!(amém!!!!!)

Dessa forma, devemos sempre ter em mente a consciência de não nos deixar levar pelos conceitos errados que nos são colocados, mas ao contrário, seguir o que está escrito em 1ª Pedro 1:15-16 :

Mas, como é santo aquele que vos chamou, sede vós também santos em toda a vossa maneira de viver; Porquanto está escrito: Sede santos, porque eu sou santo.”

 Resistindo as cobranças

 Além de nos impor um determinado padrão de comportamento, a sociedade também interfe em outras areas de nossa vida, como  a cobrança de se formar uma família, veja bem, não sou contra o casamento, muito pelo contrário, acredito que na hora certa é uma benção, mas casar por casar (ou namorar por namorar) é algo que desagrada a DEUS, afinal, formar família é uma decisão séria e é para a vida inteira ou alguém já viu ex-mãe?, ex-pai?images

Poderia detalhar aqui várias outras cobranças que a sociedade nos coloca e que gera um grande nó na cabeça de alguns. É como um grande buraco que quanto mais se cava, mais aumenta, por exemplo:

  • O que vamos ser quando crescer;
  • Quando vamos passar no vestibular;
  • Quando vamos arrumar um emprego;
  • Quando vamos namorar, casar, ter filhos, netos…

 “ Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu.” (Eclesiastes 3:1).

Espere em DEUS e no tempo certo as coisas vão acontecer. No entanto, não deixe de fazer a sua parte, porque DEUS é Maravilhoso mas também é Justo, assim, se você deseja passar em determinado vestibular, trate de estudar e se dedicar a este objetivo com afinco. Lembre-se, cada um colhe o que planta.

Esperar em DEUS não é perder tempo, é uma demonstração de fé. Não é simplesmente dizer que espera, mas é não se desesperar diante do passar dos anos enquanto sua resposta não chega.

Provérbios 3: 5-6: “Confie no Senhor de todo o seu coração
e não se apóie em seu próprio entendimento; reconheça o Senhor em todos os seus caminhos, e ele endireitará as suas veredas.”

 

O ônibus

Todos os dias vou e volto de ônibus e, de umas semanas pra cá tenho pensado muito a respeito desse meio de transporte tão usado e tão pouco observado.

Eu estava no terminal esperando o ônibus que me levaria mais perto da minha casa depois de um dia cansativo de trabalho. Tinha todos os motivos pra ficar de mau humor e reclamar da vida, afinal, acordei cedo demais, sai de casa e já tive que enfrentar um calorão esquisito e, depois de um dia de trabalho, ainda teria que enfrentar “aquele monstro” lotado pra chegar em casa.

Em geral, essa é a rotina da maioria das pessoas, acordar cedo, ônibus cheio, trabalhar  dia todo, ônibus cheio e casa e acaba sendo normal escutar muitas pessoas reclamando dessa rotina, principalmente do fato de terem que usar o ônibus como transporte.

Pensando nesta questão de reclamar porque tem que ir ou voltar de ônibus, lembrei do que Paulo escreveu para os Colossenses: E tudo o que fizerdes, seja em palavra ou ação, façam em nome de Jesus, dando graças a Deus…
Fiquei refletindo nisso e em como temos sido ingratos, sim, ingratos. Por pior que seja ter que usar o ônibus como meio de transporte, você ainda tem o ônibus. No Nordeste do nosso país, há pessoas que nem o ônibus, lotado, desconfortável e caro, eles tem.

E, se formos parar pra pensar, todo o nosso mau humor e “raiva” do ônibus, parte de nós mesmos, porque andar de ônibus pode ser uma rotina muito interessante e divertida.
Sabia que, se você sorrir ao invés de reclamar quando te empurram no ônibus, você vai achar graça da situação? Se você der um sorriso pra pessoa que pisar no seu pé de tênis enquanto você está de havaiana, ela vai te olhar de um jeito educado e sentido por ter pisado no seu pé e tomará mais cuidado pra que não aconteça de novo. Ah sim, se você der o seu lugar no ônibus pra alguém mais velho ou mais cansado que você, essa pessoa será muito grata e você verá isso nos olhos dela. Os estudantes são profundamente  agradecidos e admiradores daqueles que se oferecem pra levarem suas mochilas ou pastas.

Mas, acima de toda a gratidão, sorrisos e olhares brilhando que receberá, saiba que você estará cumprindo e contribuindo com algo pra melhorar a sua vida e a dos demais que estará a sua volta. Estará cumprindo com ordenanças bíblicas, por isso, o fato de se sentir alegre e agradecido por tudo, inclusive pelo ônibus lotado, vai, com certeza fazer sua rotina ser muito mais leve.