A Voz

“E o Reino vem aos que esperam o Desejado das nações”

Agora são 21:30, uma noite de quinta feira, minha aula de hoje já acabou e resolvi então aproveitar o tempo que me resta para dar uma olhada nas coisas aqui do blog, visto que a faculdade em que estudo não é na mesma cidade onde moro, ao contrário, todo o dia pego um ônibus e de bonus duas horas de viagem para ir e duas horas de viagem para voltar, mas não reclamo, já me acostumei, acabei que fui pegando gosto por viajar todos os dias.

Bem, como falava, resolvi então dá uma passada aqui, este post não estava programado, na verdade nem pensava em escrever aqui visto que já há outros textos na fila, mas….

Enquanto estou divagando, ouço a música A Voz de uma dupla que conheci essa semana, Os Arrais, e talvez esta música seja um dos motivos que me fez escrever aqui.

“Pois Ele é a voz que fala ao coração
Sobre esperança e juízo além do que se pode ver”

Resolvi dá uma pausa de alguns minutos aqui na escrita e pensar: Sobre o que vou escrever?, pensei, pensei e não me surgiu nenhum assunto específico, mas ao contrário, surgiu vários remendos de tópicos que gostaria de expor aqui, mas sei lá, acho que ficaria meio grande rsrs..

O sozinho e ferido, cansado e faminto que estão no escuro
Em terras longínquas e mares distantes, a luz ressurgirá

As pessoas costumam falar que Deus escreve nossas vidas por linhas tortas, mas eu já penso o contrário, nós é que olhamos torto as linhas certas que Deus escreve em nossas vidas. Eu por exemplo, nunca poderia imaginar que hoje teria um blog, que estaria aqui escrevendo e muito menos que teriam pessoas para ler estas palavras.

Apesar de jovem (23 anos quase completos) me considero uma pessoa que passou por muitas experiências, boas e ruins, situações que vão desde trabalhar em um orfanato, estudar em um banheiro, morar de favor, estar feliz por ter algo para jantar a noite, até questões mais curiosas como ser levado para a delegacia acusado de tráfico de drogas (O policial havia me confundido com um traficante), ou ficar preso no banco de trás de um fusca, ou então da vez que peguei catapora aos 20 anos de idade e fiquei 15 dias do hospital isolado, sozinho fisicamente, mas acompanhado por Deus espiritualmente, e hoje olho para trás, dou um sorriso e agradeço com um coração sincero a Deus por todos estes momentos que vivi.

Toda minha vida foi acompanhada por uma palavra, solidão, desde os 15 anos moro sozinho e já morei em diversas cidades, dessa forma querendo ou não, vai e vem sinto falta dos meus amigos, da minha familia e em algum momento você vai se identificar com a solidão, com aquele desejo de conversar com alguém, de contar um segredo, compartilhar uma felicidade mas não ter nenhuma pessoa para ouvi-lo, é terrivel quando você chega em casa e o silêncio é tão grande ao ponto de te ensurdecer, no entanto, mais uma vez retorno música tema deste post, afinal, qual o momento mais perfeito de ouvir a voz de Deus se não é os momentos de solidão?

“O exaltado e rico, arrogante e orgulhoso que estão no escuro
Em mansões construídas no abuso do pobre, a luz ressurgirá”

Quando era mais novo meu objetivo de vida era ser rico, não pela ganância, mas porque vim de uma familia pobre, nunca passamos nenhuma necessidade mas já passamos por algumas situações complicadas pela falta de dinheiro, e quando entrei na faculdade, logo no meu primeiro ano, me foquei totalmente nos estudos, dormia algo em torno de 2 a 3 horas por noite,  não falo que entrei em depressão, mas fiquei muito ruim. Mas com o tempo fui conversando com amigos, refletindo na palavra, Deus falando comigo, e me mostrando que muito mais que ouro ou prata, Ele havia uma riqueza mais valiosa reservada para mim chamada Salvação.

Em outros tantos momentos quando passava por uma situação ruim, complicada, aquelas famosas crises existenciais ou até mesmo fatos que eu me considerava injustiçado, eu questionava a Deus o porque daquilo, o que eu havia feito de errado? Certo momento, durante uma dessas “crises” olhei para o alto e comecei a gritar para o céu, para Deus, pensando que Ele iria responder algo, mas Ele não respondeu…não com palavras que qualquer um podia ouvir, mas com palavras que apenas um coração aberto poderia escutar. Há vezes imaginava Deus lá no céu olhando e apontado para mim, enquanto dizia para alguns anjos que estavam rodeados a ele “Oha só aquele meu filho, mais uma vez não sabe nada do que está acontecendo com  ele”. E realmente eu não sabia, e justamente por isso, diversas vezes, tinha que voltar atrás, orar a Deus e pedir perdão por te-lo questionado, porque vi que aquela situação havia sido primordial para meu crescimento espiritual, e principamente, amadurecimento como cristão.

“Em Seu nome a terra treme
O reino vem”

Você já parou para imaginar qual o seu próposito nesta vida? Já chegou a pensar na possibilidade de estar aqui, não apenas pelo acaso, mas porque alguém tem um proposito especial para você? Já me peguei várias vezes pensando nisso, é muito dificil chegar a uma única conclusão, quando parece que começamos a entender os planos de Deus, Ele vem e dá uma mudada radical em nossa vida, nos mostrando que não nos cabe entender os caminhos que Ele constrói, mas caminharmos neste mesmo caminho sem questionar o rumo a que ele pode te levar.

E Deus já me levou para muitos caminhos, caminhos bons, alegres, mas também caminhos dificieis, cheios de espinho, de dores e choros, mas foram essenciais, eram caminhos que deveriam ser trilhados, que não podia ser ignorado, afinal, sou pecador, um pecador convertido, mas ainda assim um pecador, afinal o mal habita mim, até mesmo por isso me imagino em um processo de regeneração constante que só terá fim no dia que me encontrar com o Pai.

E com isso tenho uma certeza, mais uma vez retornando a música A Voz,  Deus fala ao nosso coração, assim como falou ao meu nestes 23 anos de vida, Ele também fala ao seu, agora a questão, é: Você tem ouvido sua Voz?

Anúncios

Quero namorar – Parte II

É isso aí, já vou logo chegando com um tema meio “delicado” (ao meu ver), dando continuidade ao que já foi dito antes aqui, dessa forma, espero que este tema, seja de grande aproveitamento para vida de vocês.

Recapitulando, conforme o tempo vai passando, e nós vamos amadurecendo, é normal sentirmos uma certa “necessidade” de ter um companheiro, afinal isso é bíblico : “Então o Senhor Deus declarou: não é bom que o homem esteja só.” Gn 2:18b. O próprio Deus que criou tudo que nessa terra existe percebeu essa necessidade, a de que o homem precisava de alguém.

namoro-cristao

Então sem desespero de sair por aí atirando para todos os lados a procura da tampa da sua panela, primeiro de tudo, é bom pesar algumas coisas na balança. Por exemplo, você sabe pra que serve o namoro? Pois bem, ele possui uma finalidade: a edificação. Meus amigos pensem comigo, um namoro cristão é totalmente diferente do namoro secular, lembrem-se, nós somos santos, devemos dar testemunho, e uma das formas é usar nosso namoro pra mostrar as pessoas que é possível construir um relacionamento sólido e saudável, sem a prática do sexo, um namoro puro e limpo perante aos olhos de Deus e aos olhos dos homens.

E nem adianta vim com o pensamento de que “mas eu amo minha namorada (o), penso até em casar, não podemos fazer sexo?!”, lembre-se, hoje em dia, infelizmente o que a mídia vende é que o foco principal do namoro é o sexo, basta observar essa mensagem chegar ate nós, por meio de filmes, músicas e livros.

Veja bem:

1-      Antes de tudo tenha intimidade com Deus. Desenvolva sua maturidade cristã, isso vai permitir que você fique atento para as ciladas que possam aparecer.

2-      Seja um “Severino” na casa de Deus e observe se o (a) jovem por quem você se interessa é servo, trabalhador na obra.

3-      Converse com seu líder antes de namorar, diga que está interessado por alguém e veja qual a opinião dele.

4-      Não se ponham em julgo desigual (2co 6:14)

5-      Durante o namoro evitem ficar sozinhos, não dêem brecha ao inimigo.

6-      Lembre-se, tenha um namoro a 3, você a pessoa e Deus.

7-      E por fim quando estiver “subindo pelas paredes” leia Sl 40:1 🙂

Procure sempre estar em comunhão com Deus, busque primeiro a Ele depois lhes serão acrescentadas as demais coisas: namorado, esposa, família, além disso em vez de alimentar sua carne, alimente seu espírito, mostre a todos que você é diferente começando com seu relacionamento.

É isso aí, fique todos com Deus, câmbio e desligo.

 

Somos frutos de nossas escolhas

Graça e paz meus queridos,

Ultimamente ando inspirada para escrever textos que nos levam a reflexões e autoanálise (acho que já perceberam né). E essa postagem de hoje não poderia ser diferente, é claro.

Há um tempo atrás eu li em um outro blog, que o nosso presente é consequência das escolhas que fizemos e fazemos, e que de nada adianta reclamarmos eternamente, mas nunca mudarmos a direção do nosso caminho.

Existem dois tipos de consequências que nossas escolhas podem gerar: as boas e as ruins. Quando são boas, é sinal de que tudo saiu conforme planejávamos, e não há do que se reclamar, e sim continuarmos nessa mesma direção de sucesso. Porém, quando as consequências são ruins, temos a impressão de que o mundo inteiro está desabando sobre nossa cabeça, todos os sentimentos negativos resolveram aflorar ao mesmo tempo e indiscutivelmente achamos que definitivamente a galáxia inteira conspira contra nós.  Mas, quando isso acontece, o que nos resta é pararmos para pensar um pouco e refletir onde, lá no passado, distante ou não, demos o passo errado, e entramos em um caminho sem saída.

E isso serve para todas as áreas de nossa vida e eu posso citar vários exemplos aqui e acredito que muitos de vocês irão se identificar com eles:

  • Aquele rapaz ou aquela moça que eu conheci num momento de fraqueza espiritual e que hoje é uma “pedra no meu sapato”;
  • Aquele curso que eu tive a oportunidade de fazer e que me renderia um emprego razoável, mas que por preguiça eu não fiz;
  • Aquela oferta de emprego em outra cidade que me propuseram, mas eu não queria largar o conforto da minha casa para “ralar” sozinho e com isso perdi a chance de ter uma carreira profissional sólida;
  • Aquela oportunidade que eu tive de ir ao acampamento dos jovens no carnaval passado, e que me ajudaria a fortalecer a minha fé, mas de preguiça eu não fui e hoje estou cada dia mais frio espiritualmente;

Enfim, os exemplos são muitos, e as consequências, as mais dolorosas possíveis.

Se me permitem, vou desabafar um pouquinho com vocês. Estou passando por essa experiência atualmente, na época em que fui prestar o vestibular tive duas alternativas:

  • Mudar de cidade e fazer o curso dos meus sonhos (mas consequentemente eu teria que me desapegar do conforto da minha casa e da companhia dos meus pais);
  • Ou, simplesmente escolher algum curso que tivesse por perto mesmo e ver no que ia dar, mesmo que nenhum dos cursos se encaixassem no meu perfil;

E obviamente eu escolhi a segunda alternativa. E boa parte disso eu atribuo à preguiça de ter que morar sozinha em outra cidade (hoje eu reconheço). E qual a consequência disso? Eu não segui carreira na minha área de formação, afinal de contas, fiz um curso que não era a minha “praia”, e agora estou em um nível de estresse altíssimo tentando entrar no mercado de trabalho, porém o curso que fiz não me dá respaldo algum quando se é apenas bacharelado. Enfim, essa é uma das consequências que sofro hoje por decisões mal tomadas no passado. Existem outras, mas estão numa escala Richter bem menor… kkk

Qual caminho você tem tomado para sua vida?

Qual caminho você tem tomado para sua vida?

Mas enfim, o que quero deixar para vocês hoje é isso, ou melhor, esse conselho.  Jamais se esqueçam que tudo o que plantamos hoje, em todas as áreas da nossa vida, iremos colher no futuro, por isso, não tome nenhuma decisão por impulso ou não deixe de tomar nenhuma decisão importante por preguiça, nós vivemos cada dia de uma vez, mas com a esperança de que teremos longos dias no futuro e carregar uma consequência ruim por anos, creio eu que deve ser o pior dos fardos.

Deus nos tem como filhos, e como todo pai, ele também quer nos ver felizes e por mais que Ele tenha sonhos e planos para nossas vidas, se nós não estivermos com o coração ligado à Ele, Ele não os realizará.

Existe uma coisa chamada livre-arbítrio, que é o poder que cada um de nós temos de tomar nossas próprias decisões e com o tempo, apesar de pouco, eu aprendi que Deus não interfere no nosso livre-arbítrio. Ele tem sonhos para nós, mas se os rejeitamos  e queremos fazer as coisas do nosso jeito, Ele não interfere, mas também não podemos reclamar das consequências, que com toda certeza virão.

Daí você me pergunta: mas como eu posso rejeitar os planos de Deus para mim se eu nem ao menos sei quais são?

E eu te respondo: se quando você vai tomar alguma decisão, você não ora a Deus e pede a Ele sabedoria para fazer o que é o certo, você está rejeitando, se quando você quer seguir por um caminho e não pede a Deus que coloque no seu coração a vontade Dele, você está rejeitando, se mesmo depois de trilhar pelo caminho errado e sofrer as consequências ruins, você ainda assim não pede a Ele ajuda para sair daquele caminho e seguir os planos que Ele tem para você, você está rejeitando. E naquele momento da minha vida, que eu citei a vocês, se eu tivesse buscado de Deus qual era a melhor saída, com toda certeza hoje eu estaria vivendo uma realidade completamente diferente, mas infelizmente eu também rejeitei o querer Dele para mim, e hoje peço perdão sempre.

Mas enfim, a Palavra de Deus nos diz em Efésios 3:20 que “Ele é poderoso para fazer muito mais abundantemente além daquilo que pedimos ou pensamos”. Em I Coríntios 2:9 diz que “nem olhos viram, nem ouvidos ouviram, nem jamais penetrou em coração humano o que Deus tem preparado para aqueles que o ama”. E por fim, em Romanos 8:28 diz que “todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus”. A Bíblia está repleta de passagens que comprovam que, o que Deus tem para nós é infinitamente superior àquilo que nós mesmos almejamos.

Por isso, eu deixo um conselho a você que está prestes a tomar alguma decisão em sua vida ou já tomou e não sabe o que fazer: coloque nas mãos de Deus. “Entrega o teu caminho ao Senhor, confia Nele e tudo Ele fará”, mais uma vez é a Palavra de Deus nos dizendo

Esteja sempre em sintonia com o Pai e com toda certeza, a sua vida, a minha vida e a nossa vida será verdadeiramente feliz!!!!

Por fim, quero deixar uma frase com vocês que eu retirei do tal blog que citei no começo. A frase não é exatamente assim, mas eu a traduzi do meu jeito, e diz assim:

Se para você, as coisas estão boas, melhore-as. Se estão ruins, mude-as. Melhorar e mudar não são a mesma coisa, lembrem-se sempre disso!!!

Bom, por hoje é só… (me empolguei e escrevi um tantão ein… rs)

Até a próxima!

Fiquem todos na paz!